FERIAS DA SUA VIDA
INSTITUCIONAL SETRANS
Câmara dos Dep...

Projeto altera regras de anulação de despesas não obrigatórias no Orçamento de 2024

Proposta também altera despesas com pessoal em órgãos públicos

10/07/2024 19h45
Por: Redação
Fonte: Agência Câmara

O Poder Executivo enviou ao Congresso projeto de lei que altera a Lei Orçamentária de 2024 ( Lei 14.822/24 ) para flexibilizar as regras para suplementação de despesas obrigatórias – Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN) 19/24. O texto atual limita em 30% a anulação de despesas não obrigatórias para suplementação de outras despesas

O projeto permite ultrapassar este limite quando a anulação envolver despesas não obrigatórias que já estejam bloqueadas para cumprimento dos limites de gastos do arcabouço fiscal ( Lei Complementar 200/23 ). “O novo dispositivo tem como finalidade facilitar a adequação orçamentária de que trata artigo da LDO de 2024, uma vez que as dotações bloqueadas devem ser utilizadas para atendimento de despesas obrigatórias”, afirma a mensagem que acompanha o projeto.

A proposta também altera anexos do Supremo Tribunal Federal e do Ministério das Relações Exteriores em relação a despesas com pessoal. O STF busca adequar suas despesas internamente para criar 160 funções comissionadas. No Ministério das Relações Exteriores, será feito um ajuste para a ocupação de 27 cargos já previstos.

O projeto será analisado pela Comissão Mista de Orçamento e, em seguida, pelo Plenário do Congresso Nacional – sessão conjunta da Câmara dos Deputados e do Senado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
São João do Piauí, PI
Atualizado às 19h06
25°
Tempo limpo Máxima: 33° - Mínima: 21°
25°

Sensação

1.54 km/h

Vento

38%

Umidade

BANNER-AUTO-5
Sousa tec 22122023
BANNER-AUTO-7
Municípios
BANNER-AUTO-6
Últimas notícias
Anúncio
Mais lidas
Anúncio
Anúncio