Aprovados - sisu
AUTO ESCOLA 1
Justiça

Homem acusado de matar a ex-sogra com um tiro em João Costa vira réu na Justiça

Julgamento está marcado para o dia 29 de janeiro

19/01/2020 15h50
Por: Redação
Fonte: Portal AZ
847

O Juiz Felipe Bacelar Aguiar de Carvalho, da vara Única da comarca de São João do Piauí, recebeu a denúncia do Ministério Público do Piauí contra Alex Gomes Santana, vulgo “DJ Alex Brown”. Ele é acusado de homicídio contra Rita Aparecida de Sousa e tentativa de homicídio contra a vítima André Luís de Carvalho.

“Recebo a denúncia ofertada pelo Ministério Público contra Alex Gomes Santana, devidamente qualicado, imputando a prática dos delitos previstos no art. 121, § 2°, incisos II e IV c/c art. 121, § 2°, incisos II e IV c/c art. 14, II, todos do Código Penal”, consta no documento.

Além disso, o juiz Felipe Bacelar negou o pedido de liberdade provisória solicitado pela defesa do acusado e designou o dia 29 de janeiro, às 9 horas, para a realização da audiência de instrução.

O crime

Alex Gomes Santana é acusado de matar a ex-sogra Rita Aparecida de Sousa e tentando matar André Luís de Carvalho, atual companheiro na sua ex-namorada, em 22 de dezembro de 2019, na localidade de João Costa-PI.

De acordo com a PM-PI, Alex tentou matar a lha de Rita, mas a mãe entrou na frente e foi atingida por tiros disparados pelo ex-genro. O homem efetuou os disparos após chegar na casa da mulher e encontrar a ex-namorada com o atual companheiro, quando iniciou a discussão que terminou em assassinato.

O tiro atingiu a cabeça de Rita Aparecida. A vítima chegou a ser socorrida e levada ao Hospital de Urgência de Teresina, mas não resistiu ao ferimento e morreu.

Alex Gomes foi preso no dia 24 de dezembro. A polícia declarou que foi informada do paradeiro do suspeito pelo seu próprio advogado que ligou para o distrito armando que ele ia se entregar. Alex foi transferido para o presídio de São Raimundo Nonato.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.