Camp Restauracao estradas
Piauiense

Em jogo tumultuado e com arbitragem confusa, River vence Parnahyba

O primeiro tempo correu bem, mas o segundo tempo a arbitragem prejudicou bastante o andamento da partida.

25/03/2021 01h01
Por: Redação
Fonte: Portal Cidade Verde

A partida entre River e Parnahyba que aconteceu na tarde desta quarta-feira (24), no Albertão foi marcada por confusão, erros de arbitragem e o extra campo chamando mais atenção do que o futebol. O River saiu de campo com uma vitória por 3 a 2, gols marcados por Allan Patrick, Wilson Potiguar e Jader. O Parnahyba diminuiu com Danilo Itaporanga e Caio Matias. O primeiro tempo correu bem, mas o segundo tempo a arbitragem de Jardiel da Rocha prejudicou bastante o andamento da partida e houve uma paralisação por quase oito minutos com direito a muita briga e até mesmo entrada da tropa de choque em campo para fazer segurança do trio de arbitragem. Com o resultado, o River chegou aos 10 pontos e vice liderança. Já o Tubarão do Litoral segue líder, mas com 11 pontos e vê a distancia reduzir. O próximo compromisso do Parnhayba é contra o Tiradentes no dia 4 de abril e o River volta campo no dia 7 de abril quando visita o Altos. 

O jogo 

De um lado o River querendo uma estreia com pé direito do novo técnico Paulinho Kobayashi. Do outro, o Parnahyba brigando para manter sua invencibilidade e a distância na ponta da tabela. A melhor chance surgiu logo aos 55 segundos em jogada de Fialho que passa por Joelson e Fabinho finaliza, mas Farley faz boa defesa. Depois disso, Fialho tem duas boas chances em jogadas individuais que terminaram em chutes para fora. 

O River por outro lado não consegue chegar bem na pequena e ser agressivo, mas últimos cinco minutos da primeira etapa foram de gols. Primeiro o Parnahyba acerta um belo chute em cobrança de falta perfeita de Danilo Itaporanga. Minutos depois, pênalti para o River, zagueiro Zé Antônio bate o primeiro pênalti e Yan faz a defesa e na sequencia da jogada o juiz Jardiel sinaliza novo pênalti em falta de Renan. Allan Patrick vai para bola, chuta para defesa de Yan novamente, mas aproveita o rebote para igualar o marcador. Fim de primeiro tempo 1 a 1.

Na segunda etapa o jogo corria normalmente até os 23 minutos. Depois disso, a arbitragem confusa, os erros e o envolvimento de banco de reservas, comissão e até mesmo pessoas da diretoria dos clubes entram como protagonistas. Aos 22, Jânio Fialho finaliza de longe a bola toca do defensor do Parnahyba e sai e a arbitragem aponta tiro de meta, se inicia uma discussão do lado de fora pedindo pênalti ou escanteio, que chama atenção até mesmo dos atletas em campo na sequencia do lance Wilson Potiguar é feliz em acertar chute de fora da área e marcar deixando o River à frente. 2 a 1. 

Após o gol foram cerca de oito minutos de bola parada e muita discussão em campo e até quem estava nas arquibancadas pulam as grades e entram no gramado. O técnico Dejair Ferreira entra em campo também e acabou expulso. Passado tudo isso, o jogo segue e no primeiro lance de continuidade cruzamento e gol do Galo, mas juiz anula, mas o terceiro gol do River não demorou a sair e em cobrança de falta Jader chuta rasteiro e Yan aceita. 3 a 1 para o River. O Tubarão ainda consegue diminuir com Caio Matias, mas o resultado é esse – River 3 x 2 Parnahyba. 

Foram ao total 12 minutos de acréscimos e no decorrer desse tempo o Parnahyba ainda reclama de pênalti em cima de Luan, que cai dentro da pequena área após chegada dura do zagueiro Tricolor, mas nada é marcado. 

O próximo compromisso do Parnahyba é contra o Tiradentes no dia 4 de abril e o River volta campo no dia 7 de abril quando visita o Altos. 

São João do Piauí - PI
Atualizado às 00h00
28°
Poucas nuvens Máxima: 34° - Mínima: 24°
28°

Sensação

15.3 km/h

Vento

46.9%

Umidade

Fonte: Climatempo
Sua primeira CNH2
Sua primeira CNH
Boletim COVID-19
Municípios
Anúncio
Últimas notícias
Anúncio
Mais lidas
Anúncio
Anúncio